O aplicativo ClickSitter traz preços a partir de R$ 20 a hora. O serviço está disponível à noite e aos finais de semana por um período de 1 a 18 horas

Sabe aquele dia que você tem um compromisso inadiável, já consultou os parentes e amigos próximos e não encontrou ninguém para ficar com o seu filho? Um aplicativo tem como objetivo ajudar as famílias nesses momentos. Criado pelo casal Luciana de Abreu Pereira e Taric Santos de Andrade, o ClickSitter, disponível em android e iOS, e apenas para a cidade de São Paulo, oferece sugestões de profissionais para ficar com as crianças, inclusive aos finais de semana e à noite, a partir de R$ 25 a hora. “A ideia nasceu da minha própria necessidade. Já precisei várias vezes de alguém para cuidar das minhas filhas e não consegui”, fala Luciana, que é mãe de Sophie, 6, e Amelie, de 3. Da ideia até a implantação do app foram cerca de dois anos. “Como mãe, sempre me perguntava como poderia oferecer este serviço de forma segura. Afinal, não dá para deixar com qualquer pessoa o nosso “bem” maior que são os filhos”, conta ela, que também é psicóloga e atua na área de Recursos Humanos (RH).
Segundo Luciana, para ingressar no aplicativo, as candidatas passam por um processo de seleção rigoroso, que é coordenado por ela mesma. As interessadas se cadastram pelo site – que hoje conta com 3.500 -, passam pela análise de currículo, entrevistas presenciais e dinâmicas de grupo, em que são inseridas em situações que envolvem o dia a dia com as crianças. Ainda tem uma conversa realizada pelo skype, software de comunicação, para saber se elas sabem lidar com as novas tecnologias. Só assim são aprovadas e ficam disponíveis na plataforma. Outro diferencial, como explica Luciana, é que são selecionadas apenas professoras, pedagogas e enfermeiras. “Isso dá mais segurança aos pais”, diz.

A experiência de quem usou…

Virgínia Patrocínio, 33, mãe de Sabrina, de 5 anos, e Gabriel, de 3, testou a ClickSitter recentemente e achou vantajoso saber exatamente o valor que ela teria que desembolsar com o serviço. “A primeira proposta que tive foi de uma babysitter que cobrou cerca de R$ 300, durante o período de 7 horas. Depois, recebi outras duas propostas com a metade desse valor. Daí, escolhi a babysitter pelo minicurrículo, que aparece no aplicativo, e pelo comentário dos outros pais que ela já havia trabalhado, que também fica disponível”, conta. O pagamento é feito via app através do sistema PayPal.
“Quando a Renata chegou em casa, cerca de 15 minutos antes do combinado, não imaginei que fosse trazer um questionário tão detalhado que falava sobre alimentação, alergias e até os locais da casa que as crianças não poderiam transitar”, conta Virgínia, que diz que as crianças, vira e mexe, perguntam quando a babysitter vai voltar para brincar com elas.

Por Renata Menezes – atualizada em 17/06/2016 19h06
Post Original: http://revistacrescer.globo.com/Diversao/Games-e-Apps/noticia/2016/06/baba-aplicativo-promete-ajudar-pais-encontrar-um-profissional.html

Download my app

 

Encontre as melhores babysitters perto de você

Antes eu tinha certa barreira em deixar minha filha com babysitter, quando precisávamos ela ficava com as avós. Certo dia, precisei sair e não pude contar com a ajuda das avós, então quebrei essa barreira e chamei uma babysitter pelo ClickSitter….me surpreendi muito! A experiência foi ótima, a minha filha amou! Na segunda vez, tive certo receio pelo fato de vir outra pessoa…será que seria igual a primeira babysitter contratada? Novamente, deu super certo! Minha filha também amou e se divertiu muito…a partir daí sempre conto com a ajuda da ClickSitter!

Saiba Mais

%d blogueiros gostam disto: